Páginas

23/12/2013

Não é fácil, mas não é impossível! Não faz bem, iniciar novos tempos com amores, dessabores, rancores. Chegou a hora de decidir, de redimir a vontade, de reagir com o desapego, de fazer as coisas que não faz bem virarem pó. O sentimento que não faz bem, deixa fluir, deixa o vento levar.
Enfim, dois mil e treze está nos deixando... e fazendo-nos lembra de tudo o que aconteceu, se for possível resumi-lo em uma palavra pra mim, seria aprendizado. Aprendi a sentir saudade e sorrir todos os dias, aprendi que ninguém é substituível mas sempre podemos por alguém no lugar, aprendi que tudo tem seu tempo, que as coisas boas pra gente sempre acontecem quando tem que acontecer. Aprendi que a fé a maior riqueza que pode existir, é caminho, é luz! Aprendi que o meu estado de espírito e minha crença, guiam a minha vida, aprendi a perdoar mais do que nunca e me sentir em paz com isso. E aprendi, que se nada der certo, temos 365 dias pra tentar de novo, pois se não deu certo, ainda não chegou ao fim!